Busca

Homenagem de Dan Burisch a Benazir Bhutto

Esta página é uma reformatação da versão original publicada no Projeto Camelot.

Dan Burisch, que conhecia pessoalmente Benazir Bhutto, escreveu uma homenagem a Benazir e pediu-nos para torná-la disponível em nosso site. É com prazer que o fazer.

A trágica perda de Benazir é significativa para o mundo de muitas maneiras complexas. Há alguns jogos profundamente importante que estão sendo jogado nos bastidores com um negócio muito grande em jogo. Em 10 de dezembro - antes do assassinato de Benazir - nós nos encontramos com Dan pessoalmente e conversamos sobre isso durante algum tempo e não tinhamos dúvida de que nos próximos 12-24 meses seria um momento crítico para todos nós.

Dan escreveu isso em seu blog, quando soube da notícia:

Foi com choque e tristeza profunda quando soube, nesta última hora, da morte da antiga primeira-ministra do Paquistão, Benazir Bhutto

A cerca de 17 anos atrás, Deborah e eu tivemos o privilégio distinto de nos reunirmos com a Sra. Bhutto, em Las Vegas, durante uma circuito de palestras. Depois de um discurso em UNLV (Universidade de Nevada em Las Vegas), as pessoas falavam com ela perto do palco; Deborah, ela e eu envolvemo-nos em uma conversa. Logo após, tanto Deborah quanto eu apreciamos ter correspondência privada com ela. Essa correspondência continuou até este ano.

Desde àquele tempo, em UNLV, a Sra. Bhutto esteve envolvida em muitos projetos dirigidos para a "unidade da humanidade", que o público sequer possa imaginar. Ela era uma mulher brilhante, uma líder forte, e uma pessoa que muitos de nós esperávamos que fosse recuperar o poder político no Paquistão. Os elementos da "Linha 1 variante 83" das informações do Looking Glass falavam diretamente sobre o Paquistão, os elementos que tinham sido privadamente compartilhados com certos indivíduos. A Sra. Bhutto estava ciente daquelas informações e estou certo de que desempenhou um papel na sua decisão de retornar ao Paquistão, do seu exílio auto-imposto, neste momento crítico para a humanidade.

As famílias Burisch e McDowell e todos da equipe das Águias, gostaria de enviar suas condolências à família da Sra. Bhutto.

Os sacrifícios da Sra. Bhutto para a humanidade jamais serão esquecidos, nem a sua causa perdida será.

Com amor,

Dan


Logo depois, recebemos esta mensagem de Marci McDowell

Afora o impacto desses eventos em todo o mundo, a morte de Benazir atingiu Dan pessoalmente, como ele e sua esposa gostavam muito da correspondência pessoal trocada com ela por muitos anos. Ela estava consciente de que ela estava enfrentando e tomando uma decisão de ir em frente para tentar influenciar a incidência normal do T1 (variante 83), para um resultado mais tranquilo. Ela confiou em várias pessoas, antes de voltar para seu amado Paquistão, ela estava colocando a banda do mártir em sua testa, o que sinalizava o seu entendimento de que ela estava a cortejar a morte

Ela falou com o Dan por telefone antes de retornar, mas eu não tenho permissão de Dan para compartilhar o conteúdo da conversa, exceto, para dizer que nada foi redigido, foi uma conversa muito franca e foram trocadas informações. Ela é um patriota e um mártir para a causa da paz no mundo. Vou falar com Dan sobre sua oferta gentil [postar um elogio] e ver se devemos fazer uma declaração. Se assim for, uma vez elaborada, vou enviá-la para você.

Aqui está o elogio  de Dan

No dia 27 de dezembro de 2007, uma outra, em uma longa série de mártires, entrou no descanso eterno, na luta pela auto-determinação democrática do Paquistão e da causa pela Paz do Islã.

Para o grande povo do Paquistão: A paz esteja convosco! Peço que aqueles que possam ler este apelo humilde, uma fração da população e alguns daqueles em posição de liderança, possam recebê-lo com a única intenção de amor que lhes é oferecido! A condenação, agora ecoando através do grande mar de Nações do planeta, contra aqueles que desejavam remover da sua posse legítima, o poder dado a vocês pelo Criador, para planejarem por si mesmos o caminho para a liberdade de vocês, também é ouvida em cada canto do globo.

O povo bom de todo o mundo voltaram os olhos e os ouvidos deles para seus gritos e nós estamos com vocês em seus sonhos e esperanças de um futuro pacífico e próspero. Vocês tem o mesmo direito a uma Carta Magna para a sua terra, sua Carta da Democracia, como aqueles que vos precederam, e são tão igualmente fortes como qualquer outro povo de assistir ao Estado de Direito, ao mesmo tempo, exigindo que as pessoas devidamente eleitas estejam sujeitas às mesmas normas.

Infelizmente, a história nos ensina que nenhum movimento real de avanço em direção à liberdade, de qualquer nação, é sempre pavimentada com sangue sendo derramado. Ela pode ser comparada a um rio sagrado que é suscitada pelo movimento das engrenagens da grande máquina chamada "auto-determinação humana". Isso não vai ser parado, e flui dentro de todos nós, sem interrupções, em cada povo desta Terra.

Nesse momento, quando um cai como um sacrifício para um propósito mais elevado, devemos nos lembrar que somos igualmente chamados a esse mesmo propósito, vemos nossa verdadeira igualdade nesse ideal, e descobrimos que nenhum de nós é diferente de qualquer outro - também não podemos ser verdadeiramente separados por linhas em mapas, de facções ou ideologias, nem devemos dar jamais alojamento ou assistência para aqueles que incitem a maior separação entre nós.

Vivendo na região rural, perambulando por entre a sua nação soberana estão aqueles que agem para fazer exatamente isso: ver a justiça apenas com o golpe de uma lâmina. Vocês sabe quem eles são, e seu desafio, para tornarem-se as pessoas livres que vocês merece ser, é se vocês decidirão como UM POVO se levantarem contra eles.

Eles representam uma ameaça maior para vocês, de dentro, do que qualquer outra nação posicionado ao lado de vocês. Eles não sustentam nenhuma bandeira, nem usam qualquer uniforme de uma verdadeira Nação, uma vez que nenhuma os teria. Eles representam a antítese do primado do direito de todos os Estados soberanos, mantêm um escárnio diante da Paz do Islã como a bandeira hipócrita deles.

Eles agora estão forçando vocês a decidirem enviá-los para longe, por qualquer meio, da terra de vocês, ou ver a transição arriscada de uma florescente Democracia Federal, em uma terra em ruínas, assolada pela mesma linha de promessas quebradas, oferecidas por todos aqueles que se recusarem a transportar o estandarte da paz, tolerância e equanimidade diante deles.

A história das culturas duradouras também nos ensinam que aqueles que encontram sucesso final após esse instante de um verdadeiro teste, na fogueira sagrada do auto-sacrifício, percebem que os caídos não passaram em vão, nem o sacrifício deles devem se tornar um impulso para a raiva sem fim.

Apesar da trágica morte da minha amiga, a amiga de todas as pessoas livres, a grande Benazir Bhutto, eleva as suas justas paixões e centra as mentes das massas sobre o que eles não têm, não percam também a oportunidade de promover a ascensão do um povo livre, ou o desafio daqueles que procuram oprimí-lo.

Seu inimigo não está em uma outra Nação, nem entre vocês, mas no espírito de intolerância e de ódio em si, que agora entrou e perambula entre vocês usando uma máscara, através da qual vocês têm o poder único de o ver. Que o poder único nasça pelo grito eterno de "Liberdade!"

Aqueles que lerem minhas palavras humildes, que se encontrem sendo puxados para além da grande necessidade do seu povo, não deixem nenhuma delas para trás - a convicção de que o grito eterno o carregará para diante no lugar deles, e lhes darão o poder de enfrentarem o grande inimigo de seu povo - a divisão!

Vocês estão unidos pela justiça, e as Nação do mundo ficarão com vocês. Vocês seguiram a frente com a bandeira da paz e muitas mãos de amor serão estendidas para além das fronteiras, até que, se Deus quiser, um dia, ninguém com armas precisará guardá-las.

Paz seja convosco, Paquistão! A paz esteja com o seu povo! Olhe dentro de si mesmos e encontrem a beleza que é o Paquistão!

Benazir Bhutto ... ela viu isso! Uma líder cuja a vontade e a mente afiada só foi superada por um amor em seu coração por vocês, está vendo qual flor vocês levantaram no lugar preparado para o corpo dela, da faísca dada a vocês pelo sacrifício dela. O Manifesto Dela será as ações de vocês. Faça o espírito do legado dela, a verdade de vocês. Marque os dias de vocês com a vigilância sobre o poder vocês.

Quando a visão do mundo está dirigida a vocês, levantem-se, corrijam o que está errado e suportem as dificuldades do povo de vocês com a dignidade do verdadeiro Islã

Paz seja convosco, Paquistão! Agora que todos sabemos a sua beleza, Paquistão, mostrada a nós por sua esperança, Benazir Bhutto, possamos todos orar para que a sua região, na nossa Terra maravilhosa, encontre a paz com justiça.

Com amor,

Dan

 





Suporte o Projeto Avalon - faça uma doação:

Donate

Obrigado por sua ajuda.
Sua generosidade nos permite continuar nosso trabalho.

Bill Ryan

bill@projectavalon.net


unique visits

Google+